Bem vindo!

Bem vindo!

INSTAGRAM



Instagram

Seguidores

O planeta das lágrimas e dos sorrisos

Posted by: Juℓi Ribeiro in ,





















Este é o nosso querido
planeta terra,
também chamado de planeta azul.
É nele que encontramos nossa morada,
somos parte dele,
como um pequeno grão de areia.
Nele se encontram
nossas lágrimas e sorrisos,
nossos sonhos e desejos.
Que pertenceram aos nossos pais
e serão a herança de nossos filhos.
O que será de nossos sonhos,
se o abandonarmos?
Terá sido em vão
tantas lágrimas e sorrisos...
Deixaremos morrer tanta beleza e amor?

Juli Ribeiro

♥ஜ______ஜॐ♥ஜ______ஜॐ♥ஜ______ஜॐ♥

Como escreveu Gibran:

"Eu não trocaria as tristezas do meu coração
pelas alegrias dos homens,
e não desejo que as lágrimas que a melancolia provoca
nos meus olhos se transformem em risos.
Prefiro que minha vida
permaneça uma lágrima e um sorriso:
uma lágrima
que purifique meu coração
e me faça compreender
os mistérios e segredos da vida,
e um sorriso
que me aproxime
dos meus semelhantes
e simbolize minha glorificação aos deuses.
Uma lágrima
que me irmana
aos tristes de coração,
e um sorriso
que proclama a minha alegria de viver.
Prefiro morrer de muito desejar
a viver na indiferença.
Quero sentir nas minhas profundezas
fome pelo amor e a beleza,
pois observei e verifiquei que os satisfeitos
são os mais infelizes dos homens
e os que mais
se assemelham à matéria inanimada;
e escutei e descobri
que os gemidos de saudade do apaixonado
são mais embaladores que as melodias dos violinos.
Quando a noite cai, a flor fecha as pétalas
e dorme abraçada aos seus desejos;
e quando rompe a madrugada,
descerra os lábios para receber o beijo do sol.
A vida da flor
é desejo seguido de união:
uma lágrima e um sorriso.
Evapora-se a água do mar
e se eleva e se condensa em nuvens
que passeiam por sobre os vales e as colinas.
Mas quando encontram brisas suaves,
descem em lágrimas sobre os campos
e se juntam aos arroios e voltam ao mar, sua pátria.
A vida das nuvens é separação e depois reencontro:
uma lágrima e um sorriso.
Assim a alma se separa do espírito universal
e caminha no mundo da matéria
e passa como nuvem
por cima das montanhas de tristeza
e dos campos de alegria,
e quando encontra as brisas da morte,
volta à sua origem:
ao mar do amor e da beleza, ao coração de Deus..."

( Gibran em seu livro Uma lágrima e um sorriso )

This entry was posted on sábado, setembro 23, 2006 and is filed under , . You can leave a response and follow any responses to this entry through the Assinar: Postar comentários (Atom) .

0 comentários

Postar um comentário

FEEDJIT Live Traffic Feed

Buttons - Parceiros



BlogBlogs.Com.Br Poem Blogs -  Blog Catalog Blog Directory Assinar com Bloglines
blog search directory Blogarama - The Blog Directory Site Meter Add to any service