Bem vindo!

Bem vindo!

INSTAGRAM



Instagram

Seguidores

JARDIM RISONHO

Posted by: Juℓi Ribeiro in





















JARDIM RISONHO

Viestes tarde, meu amor? Corre.
Guardei para ti todas as flores
da primavera e os pássaros cantores
anunciam a tarde que morre.

Estás presente no orvalho que escorre.
Em cada gota refletindo mil amores.
Reluzindo a saudade em suas cores.
Nessa estrada brilhante o amor percorre.

Tua chegada alegra e perfuma
o nosso jardim agora risonho.
Desaparecem tristezas e a bruma.

As dúvidas vão embora, uma a uma.
A realidade é um belo e feliz sonho
que o vento vai levando feito pluma.

( Juli Ribeiro )

Soneto publicado no Recanto das Letras
em 30/10/2006 Código do texto: T277893

Mais sobre Juli Ribeiro em:

This entry was posted on segunda-feira, outubro 30, 2006 and is filed under . You can leave a response and follow any responses to this entry through the Assinar: Postar comentários (Atom) .

1 comentários

Ao ler este sonêto sinto orgulho de você Ju.É uma demostração de amor e talento muito grande que você demostra no intercalar dos versos,Parabéns!
Te adoro.
(Alê)

Postar um comentário

FEEDJIT Live Traffic Feed

Buttons - Parceiros



BlogBlogs.Com.Br Poem Blogs -  Blog Catalog Blog Directory Assinar com Bloglines
blog search directory Blogarama - The Blog Directory Site Meter Add to any service