Bem vindo!

Bem vindo!

INSTAGRAM



Instagram

Seguidores

Eu vi nos seus olhos a primavera

Posted by: Juℓi Ribeiro in ,


Eu vi nos seus olhos a primavera


Eu vi nos seus olhos a primavera
Reflexos coloridos de sentimento
Transformando em alegria a espera
Em um momento de total deslumbramento

A saudade invade o meu coração e acelera
Borboletas, beija-flores, arco-íris no pensamento...
Voam livremente e entram pela janela
Sonho de olhos abertos com o teu encantamento

O mundo antes frio e feio é pura beleza
Foi embora do meu peito o inverno
Hoje nos cobriremos de carinhos e certeza

Nossos beijos são pétalas de delicadeza
Este momento é doce, único e eterno!
O amor e a primavera vencem a tristeza...

Juli Ribeiro

Soneto publicado no Recanto das Letras em 30/09/2007Código do texto: T674430
Esta obra está licenciada sob uma
Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Juli Ribeiro. http://www.recantodasletras.com.br/autores/juliribeiro).
Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.

A gloria da amizade

Posted by: Juℓi Ribeiro in ,





















Amigos...

Amigos são potes de vidro
Carecem de todo cuidado
Pedra que não se lapida
São raros e sempre tão caros!

Amigos são laços eternos
Pedaços do nosso viver
Conquista que merecemos
Amor que jamais desfazemos!

Amigos são como espelho
Reflexos do nosso pensar.
São sombras no nosso caminho
São palhas pro nosso ninho.

Amigos são velas acesas
São faróis a iluminar
Os caminhos da beleza
Pra tristeza nos tirar

Amigos são abraços dados
Sem nada a receber
São sorrisos não negados
Na alegria em nos ver

Amigos são belas flores
No jardim da amizade
São quem tiram nossas dores
E nos traz felicidade.

(Desconheço a autoria)

Carinhos pendentes:

Posted by: Juℓi Ribeiro in



Honram-me com a atribuição deste Certificado Blog os meus queridos amigos:

Alice Matos do blog detalhes, uma amiga talentosa, doce, sensível, grande poetisa.
Alexandre do blog FUNDAMENTALIDADES, um amigo gentil, simpático e brilhante escritor.
Oscar Luiz do blog By Osc@r Luiz, um amigo generoso, dedicado, um ser humano maravilhoso.
Agradeço o carinho e a generosidade destes meus "Amigos muito queridos".
Para eles e todos os amigos que fazem parte do meu coração
eu dedico este poema de Casimiro de Abreu:

Que é Simpatia

Simpatia - é o sentimento
Que nasce num só momento,
Sincero, no coração;
São dois olhares acesos
Bem juntos, unidos, presos
Numa mágica atração.

Simpatia - são dois galhos
Banhados de bons orvalhos
Nas mangueiras do jardim;
Bem longe às vezes nascidos,
Mas que se juntam crescidos
E que se abraçam por fim.

São duas almas bem gêmeas
Que riem no mesmo riso,
Que choram nos mesmos ais;
São vozes de dois amantes,
Duas liras semelhantes,
Ou dois poemas iguais.

Simpatia - meu anjinho,
É o canto de passarinho,
É o doce aroma da flor;
São nuvens dum céu d'agosto
É o que m'inspira teu rosto...
- Simpatia é quase amor

Se sintam a vontade para repassar ou não este certificado.
É com muito carinho que repasso este certificado
de meus melhores momentos virtuais
aos seguintes blogs:

-SEXTA-FEIRA-Elvira Carvalho
-AUKIMIA-Áurea
-Memórias vivas e reais-Poliedro
-Secreta
-Paixões e Encantos-Carla Granja
-Adão Braga-Corpo, Alma e Espirito
-A terra da magia-Plim e Plum
-Lágrimasdelua
-Jogos com Matemática- Silvia Madureira
-DROPS LIGHT-Olli

-εїз Livre pra voar... εїз- Dona Borboletinha
-WORDS and FEELINGS-Jorge madureira
-Viver... Claudinha
-Vermelho Melancia-Chris
-Somos todas umas vacas-AP
-A FONTE QUE NUNCA SECA-Marco
-Oncotó-Erika
-Prince Cristal-Mano
-Coisas do Gui
-Julimars

-Scrapbook Blog -Junia
-Silêncio sentido-Som Do Silêncio
-Morar sozinho-Vinicios
-Imagens e Reflexões- Jose Araujo
-C. Valente
-Antigos Caminhos-Melissa Yedda
-A Papoila
-Mensagens para o coração- Luciana
-Meu Lar-Mayra
-Renatinha no blogger!!!

Eu aprendi de William Shakespeare

Posted by: Juℓi Ribeiro in ,

Eu aprendi
que a melhor sala de aula do mundo
está aos pés de uma pessoa mais velha;
Image Hosted by ImageShack.us
Eu aprendi
que ter uma criança adormecida nos braços
é um dos momentos mais pacíficos do mundo

que ser gentil é mais importante do que estar certo;


que nunca se deve negar um presente a uma criança;

que eu sempre posso fazer uma prece por alguém
quando não tenho a força para ajudá-lo
de alguma outra forma;

que não importa quanta seriedade a vida exija de você,
cada um de nós precisa de um amigo brincalhão
para se divertir junto;

que algumas vezes tudo o que precisamos
é de uma mão para segurar e um coração para nos entender;
Image Hosted by ImageShack.us
Eu aprendi
que os passeios simples com meu pai em volta do quarteirão
nas noites de verão quando eu era criança
fizeram maravilhas para mim quando me tornei adulto;

que deveríamos ser gratos a Deus
por não nos dar tudo que lhe pedimos;

que dinheiro não compra "classe";

que são os pequenos acontecimentos diários
que tornam a vida espetacular;

que debaixo da "casca grossa" existe uma pessoa
que deseja ser apreciada, compreendida e amada;

que Deus não fez tudo num só dia;
o que me faz pensar que eu possa?
Image Hosted by ImageShack.us
Eu aprendi
que ignorar os fatos não os altera;

que quando você planeja se nivelar com alguém,
apenas está permitindo que essa pessoa continue a magoar você;


que é o AMOR, e não o TEMPO,
que cura todas as feridas;

que a maneira mais fácil para eu crescer como pessoa
é me cercar de gente mais inteligente do que eu;

que cada pessoa que a gente conhece
deve ser saudada com um sorriso;

que ninguém é perfeito até que você
se apaixone por essa pessoa;
Image Hosted by ImageShack.us
Eu aprendi
que a vida é dura, mas eu sou mais ainda;

que as oportunidades nunca são perdidas;
alguém vai aproveitar as que você perdeu.

que quando o ancoradouro se torna amargo
a felicidade vai aportar em outro lugar;

que devemos sempre ter palavras doces e gentis
pois amanhã talvez tenhamos que engoli-las;

que um sorriso é a maneira mais barata
de melhorar sua aparência;

que não posso escolher como me sinto,
mas posso escolher o que fazer a respeito;

que todos querem viver no topo da montanha,
mas toda felicidade e crescimento ocorre
quando você esta escalando-a;

que só se deve dar conselho em duas ocasiões:
quando é pedido ou quando é caso de vida ou morte;
Image Hosted by ImageShack.us
Eu aprendi
Que quanto menos tempo tenho,
mais coisas consigo fazer.

Autor: William Shakespeare


Nova carta para o meu pai

Posted by: Juℓi Ribeiro in ,




Nova carta para o meu pai

E agora pai?
Não fui bastante forte.
Não venci todas as batalhas.
Congelou-me o frio vento do norte.
As pessoas se transformaram em muralhas,
não existe ninguém que se importe...
Você dizia: tudo passa nessa vida.
Mas não passam os meus sentimentos.
Sei que nada é perfeito.
Mas sonho e insisto em acreditar...
Aprendi que existem coisas piores que a morte:
A grande paisagem de solidão,
invadindo como nuvem o coração.
A palavra doce esperada que nunca vem,
despertando a madrugada?
A dor corta e vem acompanhada.
Eu sou sua filha, estou cansada...
Mas não desistirei e encontrarei a alvorada.
Renascerás em mim a cada lágrima ou sorriso.
Irão sorrir novamente as estrelas,
dissipando o temor com sua beleza
E o luar virá vitorioso
Alegrando a tristeza.
Nós ainda estaremos juntos...
Não importa em que tempo, lugar ou sonho!
Você me contará histórias...
Eu as guardarei nos versos que componho.
Eu sei que um segundo vale uma vida,
Mas uma vida é muito pouco, para tanto amor...

Juli Ribeiro

Carta publicado no Recanto das Letras em 15/09/2007Código do texto: T653153
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons.
Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito
ao autor original (Juli Ribeiro. http://www.recantodasletras.com.br/autores/juliribeiro).
Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.

Meus olhos procuram a manhã dourada

Posted by: Juℓi Ribeiro in ,





















Meus olhos procuram a manhã dourada

Meus olhos procuram a manhã dourada
Repleta de saudade e esperança
Sigo como a luz à alvorada
Que alegrava meus sonhos de criança

Tua ternura eu procuro calada
Em cada flor, cor e mudança...
A fascinação e aventura esperada
Crescem a cada sonho e lembrança

A brisa esconde a alegre surpresa
Que faz acelerar as batidas do meu coração
A cada beijo me entrego com franqueza

Fazendo afastar a infinita tristeza
O carinho amanhece, docente com paixão...
A minha alma serena, repousa na tua delicadeza

Juli Ribeiro

Soneto publicado no Recanto das Letras em 10/09/2007Código do texto: T646859
Esta obra está licenciada sob uma
Licença Creative Commons.
Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito
ao autor original (Juli Ribeiro. http://www.recantodasletras.com.br/autores/juliribeiro).
Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.

Poliedro, especialmente para você...

Posted by: Juℓi Ribeiro in ,















Uma homenagem a um amigo que é uma estrela!

P-Por entre estrelas tão belas
O-O céu reflete sua generosidade

L-Luz amiga na escuridão...
I-
Infinita e doce sinceridade
E-
Encontrei no seu coração
D-
Descobri que você é uma estrela
R-
Repleta de beleza, pureza e bondade

O-O meu amigo, o porto seguro da amizade!

Juli Ribeiro

Quero homenagear com este simples acróstico,
que fiz com muito carinho e aqui deixar
o meu agradecimento e a minha consideração
a Poliedro ,um amigo sempre gentil, educado,
amável, dono de um grande coração.
Um amigo que tem sempre uma palavra bonita
para alegrar o coração dos seus amigos.
Obrigada por sua sincera amizade.

FEEDJIT Live Traffic Feed

Buttons - Parceiros



BlogBlogs.Com.Br Poem Blogs -  Blog Catalog Blog Directory Assinar com Bloglines
blog search directory Blogarama - The Blog Directory Site Meter Add to any service